“Papel Principal” colou-se à sua pele… Adelaide Ferreira


AdelaideFerreira_PapelPrincipalAdelaide Ferreira nasceu a 23 de setembro de 1959 em Minde. É cantora e atriz.
Aos 16 anos ingressa no Centro Dramático de Évora onde recebe formação artística. Depois vem para Lisboa para fazer parte do elenco do Grupo 4, no Teatro Aberto, onde sob a direção de João Lourenço representa e canta nas peças Os Macacões e O caso da mãozinha misteriosa, com textos de Ary dos Santos e também em O chá dos cardeais, um original de Boris Vian, entre outras produções teatrais.

No cinema, incluiu o elenco de Kilas, o mau da fita, com realização de José Fonseca e Costa. Posteriormente participa nos filmes Rita… Secretária e Ana.

Na televisão chegou a participar na série da RTP Duarte & Cª e também em séries e novelas como Alves dos Reis, Ganância, Bastidores, Morangos com Açúcar e Podia acabar o mundo, entre outras. Ainda no pequeno ecrã Adelaide Ferreira integrou algumas emissões dos musicais Grande Noite e Cabaret, produções de Filipe La Féria para a RTP.

No Festival da Canção, Adelaide Ferreira teve quatro participações:
No ano de 1980 participa na Primeira Semifinal com o grupo As Alegres Comadres, ao lado de sua irmã Mila Ferreira, Ana Bola e de Helena Isabel na defesa da canção Alegria em mim maior.
Em 1984 concorre com Quero-te, choro-te, odeio-te, adoro-te, classificando-se em 5º lugar. Foi galardoada com o Prémio de Interpretação.
No Festival da Canção de 1985 torna-se vencedora com o tema Penso em ti (eu sei), conquista o Prémio de Interpretação e o passaporte para nos representar no Festival da Eurovisão.
Em 2015 regressa aos palcos do Festival da Canção para interpretar, na Primeira Semifinal, a canção de sua autoria Paz.

Adelaide Ferreira representa Portugal no Festival da Canção da OTI em 1984 com o tema Vem no meu sonho e alcança a 2ª posição.

Os sucessos de Adelaide Ferreira são imensos, quer no registo rock, quer nas baladas. Baby suicida, Trânsito e Os bichos são algumas das canções rock desta cantora que fizeram grande sucesso nas rádios. Nas baladas são muitos os sucessos incluídos nos álbuns Só Baladas, Sentidos, Mais forte que a paixão e Esqueço-me de te esquecer.
O realizador está louco e Entre um coco e um adeus são outros álbuns de sucesso desta cantora e atriz.

Porém, entre todos os inúmeros êxitos, onde se destacam temas como, Dava Tudo, Alma vazia, Fala-me de ti, Para o que der e vier, Gostar de alguém assim, Leve beijo triste, Quero-te, choro-te, odeio-te, adoro-te, Vem no meu sonho, Penso em ti (eu sei) e Memórias de um beijo é a canção Papel Principal aquela que se colou à pele da cantora e o tema que lhe é sempre pedido para cantar nos seus espetáculos.
Como grande artista que é, esta cantora já nos brindou com várias versões desta grande canção da autoria de Tozé Brito.
Adelaide Ferreira já dividiu esta canção em duetos com Dulce Pontes e Vanessa Silva.
Fique com a canção Papel Principal que se colou à pele de Adelaide Ferreira, inscrevendo-se também como um dos sucessos da música portuguesa de sempre.

Fonte: Festivais da Canção

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.