In Memoriam – Aos cantores falecidos do ESC e FC 1966

in-memoriam-19661966

Na edição de 1966 não houve nenhum país estreante, nem nenhum país que se tenha ausentando da competição. Ao fim de três participações consecutivas, Udo Jürgens conseguiu a primeira vitória para a Áustria.
Dos dezanove intérpretes da décima-primeira edição do ESC, somente quatro já faleceram. Já dos cinco cantores que competiram no Festival RTP da Canção desse ano, apenas dois – António Calvário e Madalena Iglésias – se encontram vivos.

ESC

  • Áustria

o      Udo Jürgens – 21 de dezembro de 2014 (80 anos) – ataque cardíaco

  • in_memoriamItália

o      Domenico Modugno – 6 de agosto de 1994 (66 anos) – ataque cardíaco

  • Jugoslávia

o      Berta Ambrož – 1 de julho de 2003 (59 anos) – cancro

  • Reino Unido

o      Kenneth McKellar – 9 de abril de 2010 (82 anos) – cancro pancreático 

Festival da Canção

o      João Maria Tudella – 22 de abril de 2011 (81 anos) – acidente vascular cerebral

o      Sérgio Borges – 17 de dezembro de 2011 (68 anos) – ataque cardíaco

o      Tony de Matos – 8 de junho de 1989 (64 anos) – cancro pulmonar 

Com as palavras de Vasco de Graça Moura, homenageamos aqui todos estes cantores. “Quando eu morrer murmura esta canção que escrevo para ti. Quando eu morrer fica junto de mim. Não queiras ver as aves pardas do anoitecer a revoar na minha solidão. Quando eu morrer enaltece-me com uma canção”.

Fonte: Festivais da Canção

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s