Festival da Canção 2017 – Os primeiros quatro finalistas são Viva La Diva, Salvador Sobral, Fernando Daniel e Deolinda Kinzimba

logofc2017Terminou agora mesmo a Primeira Semifinal do Festival da Canção 2017, um magnífico espetáculo de televisão que teve como finalidade apurar quatro canções, entre as oito a concurso, para a grande final do Festival da Canção 2017 que vai ter lugar a 5 de março, no Coliseu dos Recreios de Lisboa.

Esta emissão foi conduzida por Sónia Araújo que já tinha apresentado o Festival da Canção 2001 e por José Carlos Malato que apresentou o Festival da Canção 2014 e a Segunda Semifinal do Festival da Canção de 2015.

A concurso estiveram as seguintes oito canções:

1 – Agora (Márcia) – Márcia

2 – Para perto (Samuel Úria) – Golden Slumbers

3 – Poema a dois (Nuno Marques da Silva – Nuno Feist) – Fernando Daniel

4 – O que eu vi nos meus sonhos (Senhor Vulcão – Rita Redshoes) – Deolinda Kinzimba

5 – O teu melhor (Héber Marques) – Rui Drumond

6 – Without you (Pedro Saraiva – Lisa Garden) – Lisa Garden

7 – Amar pelos dois (Luísa Sobral) – Salvador Sobral

8 – Nova glória (Nuno Gonçalves) – Viva La Diva

O Júri foi composto pelos seguintes nove elementos: Júlio Isidro (Presidente do Júri), Dora (FC/ESC1986 e FC/ESC1988), Gabriela Schaaf (FC1979, FC1986), João Carlos Callixto, Inês Lopes Gonçalves, Inês Meneses, Nuno Markl (FC2008), Ramón Galarza (FC2006, FC2007 enquanto compositor) e Tozé Brito (FC1972, FC1976, FC1977, FC/ESC1978, FC1979, FC1980. FC1981, FC/ESC1982, FC1983, FC/ESC1985, FC2012). O Presidente do Júri, Júlio Isidro, apresentou as eliminatórias de 1992 e 1993 e as finais de 1991 e de 2015.

No interval act assistimos a uma recriação de alguns dos êxitos que não venceram o Festival da Canção, mas que ficaram para sempre inscritos como sucessos de sempre da música portuguesa. Estes temas foram apresentados em palco pelos Real Combo Lisbonense, preparados por João Paulo Feliciano. Entre eles estiveram os temas Rebeldia (FC1966), Nada e Ninguém (FC1966), Qualquer Dia, Quem Diria (FC1979), A Rosa Que Te Dei (FC1974), No Dia Em Que o Rei Fez Anos (FC1974), Doce (FC1980)

Foi também recordado num vídeo intérpretes de sempre que passaram pelo Festival da Canção e temas que se tornaram imortais, ao longo dos anos: António Calvário (FC1965), Marco Paulo (FC1967), Nicolau Breyner (FC1968), João Braga (FC1972), Green Windows (FC1974), Carlos do Carmo (FC1976), Broa de Mel (FC1982), Helena Isabel (FC1983), António Sala (FC1984), Delfins (FC1985), Trabalhadores do Comércio (FC1986), José Gonçalo (FC1988), Marina Mota (FC1989) e Toy (FC1990).

Depois de terminada a votação do público foi tempo de homenagear um grande maestro e orquestrador que tanto deu ao Festival da Canção com a sua presença em tantos certames: Thilo Krasmann. Dirigiu a orquestra na Eurovisão em 1976, 1978, 1979, 1994, 1995 e 1996.

Este resultado foi fruto da votação do júri de sala (50%) e dos telespetadores através do sistema de televoto (50%). A votação do júri foi dada a conhecer por Júlio Isidro, presidente do júri, cuja pontuação foi a seguinte: 3 pontos – Rui Drumond; 4 pontos – Lisa Garden; 5 pontos – Márcia; 6 pontos – Golden Slumbers; 7 pontos – Fernando Daniel; 8 pontos – Deolinda Kinzimba; 10 pontos – Viva La Diva; 12 pontos – Salvador Sobral.

Os resultados do público foram os seguintes: 3 pontos – Márcia; 4 pontos – Deolinda Kinzimba; 5 pontos – Golden Slumbers; 6 pontos – Rui Drumond; 7 pontos – Lisa Garden; 8 pontos – Salvador Sobral; 10 pontos – Fernando Daniel; 12 pontos – Viva La Diva.

Os resultados finais foram:
Viva La DivaNova Glória – 22 pontos
Salvador SobralAmar Pelos Dois – 20 pontos
Fernando Daniel Poema A Dois – 17 pontos
Deolinda KinzimbaO Que Vi Nos Meus Sonhos – 12 pontos
Lisa GardenWithout You – 11 pontos
Golden SlumbersPara Perto – 11 pontos
Rui DrumondO Teu Melhor – 9 pontos
MárciaAgora – 8 pontos

As primeiras quatro canções finalistas saídas desta semifinal são as seguintes:
Viva La DivaNova Glória
Salvador SobralAmar Pelos Dois
Fernando Daniel – Poema A Dois

Deolinda KinzimbaO Que Eu Vi Nos Meus Sonhos

Deixamos os nossos parabéns à RTP pelo excelente espetáculo que nos proporcionou onde a qualidade e a modernidade foram duas constantes nesta emissão.

Fonte: RTP

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s