Aos Comentários Maledicentes – A Minha Indignação

palco-fc2017A RTP está de parabéns por diversos motivos no que concerne ao Festival da Canção 2017.
Vou enumerá-los sem qualquer ordem hierárquica porque todos contribuíram para o excelente resultado da Primeira Semifinal e certamente se espelhará também Segunda Semifinal e na Final.
– A promoção que a estação pública tem feito ao Festival da Canção é aquela que há muito se vinha a pedir. É bom recordar o que de bom e foi muito se fez ao longo de cerca de 50 Festivais da Canção e assim projetar e publicitar o atual.
– O lote dos 16 compositores convidados é demonstrativo da atual boa música portuguesa e reconhecido por todos.
– Uma palavra também para a modernidade do palco, leds, luzes e até do grafismo total deste Festival da Canção. O bom gosto passou para o telespetador desde o genérico, passando pelos cartões introdutórios de cada tema, até ao palco fazem deste Festival que originou um excelente espetáculo de televisão onde nossos compositores, autores e cantores podem mostrar a sua arte.
 

Pelo exposto não compreendo a maledicência militante e gratuita que imperou após a Primeira Semifinal. Já é um clássico dizer mal do Festival da Canção, desde sempre que isso acontece, porém passados alguns anos essas mesmas vozes dizem que as edições anteriores, então criticadas, do Festival da Canção é que eram boas. Haja paciência!
Se no passado, essa má língua militante se restringia praticamente aos jornais e revistas, hoje em dia com as redes sociais e os respetivos perfis falsos, anónimos e alguns pasquins o barulho é muito maior.
 

Ora vamos lá analisar se os insultos às canções da Primeira Semifinal do Festival da Canção fazem algum sentido: 

– Quando a RTP anunciou o lote dos 16 compositores houve praticamente unanimidade em torno dos nomes escolhidos e por consequência era expectável que trouxessem ao Festival as suas características musicais. E isso foi o que aconteceu. Afinal de que se queixam? Não esperavam certamente que Márcia, Rita Redshoes, Luísa Sobral, Samuel Úria, Nuno Feist, Pedro Saraiva, Héber Marques ou Nuno Gonçalves mudassem de estilo musical! 

– Quando se fala de uma canção que nos represente na Eurovisão ou uma canção eurovisiva, pelo nosso lado aqui no site, estamos a falar de todo e qualquer estilo que leve a nossa portugalidade ao ESC.
A ideia ainda tida por muitos de haver um estilo eurovisivo está completamente ultrapassada e fixada nos anos 70 e 80.
Atualmente não há estilos eurovisivos há sim várias estéticas musicais no designado Eurovison Song Contest.
Quando aqui no site alguns de nós apontam que se deve ter cuidado na escolha da nossa canção para a Eurovisão apenas tem a ver com dois factores de peso, ou sejam sermos um país geograficamente periférico na medida em que temos apenas um vizinho e o outro facto reside na realidade que a diáspora portuguesa está a ficar diluída nas votações dos respetivos países de acolhimento.
Quando na verdade defendemos que devemos ser muito criteriosos na escolha para o ESC não é para irmos com a corrente, mas sim nos afirmarmos pela diferença. A julgar pela Semifinal de domingo há muita matéria-prima digna de nos representar no Festival da Eurovisão.
 

As críticas gratuitas, ameaçadoras e destrutivas, não só ao Festival da Canção, como também à música portuguesa indigna-me e leva-me a inferir que a culpa não é de todo do Festival da Canção e das canções concorrentes, mas sim dos ouvidos dessas mentes negativas, porque isto de ouvir um original pela primeira vez e avaliá-lo não é de todo para mentes tão mesquinhas e formatadas. 

A RTP está de parabéns porque nos está a brindar com um moderno e apelativo Festival da Canção e com temas excelentes.
Temos sido críticos ao longo dos anos quando se justifica, mas de forma construtiva, porém não contem connosco para destruir o que de bom é feito na televisão e na música portuguesa e sei que posso falar em nome de toda a nossa equipa de trabalho.

Parabéns RTP, a caravana do moderno Festival da Canção passa e os velhos do Restelo falam… será que a isso se pode chamar falar?

Fonte: Festivais da Canção

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s