A Final do Festival da Canção – Um espetáculo a chamar o ESC para Lisboa em 2018

Ligados para Sempre

Ligados para Sempre

O Festival da Canção 2017 foi um grande êxito a vários níveis. Os dois espetáculos das semifinais realizados no Estúdio 1 da RTP já eram bom indício do que iria ser a grande final de ontem.

Nós que acompanhamos as finais nacionais dos outros países concorrentes ao Festival da Eurovisão não podemos deixar de evidenciar o grande espetáculo que a RTP nos proporcionou ontem. A final do Festival da Canção foi um espetáculo digno dos melhores que se faz em televisão a nível internacional.
Nas finais nacionais que tenho assegurado para o site não vi nada que se pudesse assemelhar-se à nossa grande final de ontem. O espetáculo de ontem deixou a anos luz as outras finais dos outros países para o ESC. Isto leva-me a inferir o que já sabíamos e que ficou provado ontem: A RTP está pronta para acolher o Festival da Eurovisão já em 2018.
Uma emissão moderna, apelativa, envolvente que resultou muito bem para quem assistiu ao vivo, no Coliseu de Lisboa, como para quem esteve em casa a ver pela emissão da RTP.
Congratulo-me pela grande, necessária e desejada promoção do grupo RTP ao Festival da Canção 2017.
Quem trabalha nesta casa ama o Festival e isso passa quando lhes é dada a oportunidade e luz verde para falarem, promoverem e levarem a efeito um espetáculo como o de ontem.

Porque se tratava do arranque das comemorações dos 60 anos da RTP pelo palco do Coliseu passaram as grandes caras da estação pública de televisão como os apresentadores das semifinais Sónia Araújo, José Carlos Malato, Tânia Ribas de Oliveira e Jorge Gabriel, entre muitos outros. As anfitriães da noite foram Catarina Furtado e Sílvia Alberto que como grandes profissionais que são estiveram irrepreensíveis. Filomena Cautela estreou-se nos Festivais da Canção e não o poderia ter feito da melhor forma. Que magnífico trio de apresentadoras!
Foi bom ver passar pelo palco do Coliseu dos Recreios na ajuda à condução desta emissão os vários profissionais da casa.
Uma emissão extensa, mas viva, o Coliseu esteve ao rubro desde o início até ao final, com a aclamação da canção vencedora, de longe a mais aplaudida da noite.

Sobre a nossa análise e pontuação de cada canção finalista iremos fazê-lo na nossa rubrica Pluralmente comentamos.

Os entre acts estiveram a cargo da Overnight Sensation Soul Orkestra que trouxe música ao vivo ao Festival da Canção com arranjos diferentes e bem atuais dos grandes êxitos de sempre do Festival da Canção interpretados magistralmente por Rita Guerra, Marta Hugon, Susana Félix, Miguel Ângelo, Tatanka e NBC.
Foi bom recordar estes grandes êxitos por estas excelentes vozes!

A RTP está de parabéns, os comentários vindos dos sites internacionais são muito positivos e daqui dizemos: Bravo RTP.

Fique com o slide show com as fotos oficiais disponibilizadas pela RTP.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Fonte: Festivais da Canção | Fotos: © RTP

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s