Inês Santos, Lara Afonso e Teresa Radamanto comentam “Amar pelos Dois”

Hoje publicamos mais três comentários de figuras públicas à canção portuguesa, Amar pelos dois, ao ESC2017. A composição de Luísa Sobral que o seu irmão Salvador Sobral defendeu no Festival da Canção 2017 está a ser alvo de uma admiração coletiva, como há muito não acontecia a uma tema vencedor e representante de Portugal na Eurovisão.

Hoje, apenas no feminino, revelamos as opiniões de três magníficas intérpretes, são elas Inês Santos, Lara Afonso e Teresa Radamanto.

Inês Santos foi a vocalista dos Alma Lusa, grupo criado propositadamente para defender no Festival da Canção de 1998 o tema de José Cid, Se eu te pudesse abraçar. Face à vitória deste tema nesse festival Inês Santos e os restantes elementos deste grupo representaram Portugal no Festival da Eurovisão em Birmingham, Reino Unido.
Esta cantora comenta assim a canção Amar pelos dois:
Esta canção pode surpreender exactamente pela diferença e acredito também que esta conjuga melhor voz, melhor interpretação, arranjo e composição, e que levar uma canção de qualidade devia ser sempre o nosso melhor trunfo. Quanto mais não seja, para, com orgulho, dizermos ‘somos portugueses’.
Inês Santos

Lara Afonso é cantora e apresentadora de televisão. Esta intérprete teve duas  participações nos Festivais da Canção, a primeira em 2006 na defesa da canção Alma nova e a segunda em 2014 com O teu segredo.
Fique com os seus testemunhos sobre a canção de Luísa Sobral:
É uma música simplesmente linda!! Fiquei deliciada, assim que a ouvi pela primeira vez! É verdadeira, genuína! Simples! Não é uma música “fabricada”!! Há muito tempo que não ficava rendida a uma música do festival como esta! Canto-a vezes sem conta para a Victoria, e querem saber?! Ela adora!!! E se uma criança gosta, a música é boa de certeza! A Luísa é genial e o Salvador, idem idem! Adoro esta dupla de irmãos! O amor pelos dois, é verdadeiro. E o amor dos dois, ultrapassa tudo. Vamos todos amar pelos dois, no dia da Eurovisão!!
Lara Afonso

Teresa Radamanto participou por três vezes nos Festivais da Canção e em todas elas se classificou em 2º lugar. Em 1998 estreou-se nas nossas finais nacionais para o ESC com Só o mar ficou, regressou nove anos depois para interpretar Ai de quem nunca cantou (2007) e oito após esta segunda participação volta ao palco do festival para defender Um fado em Viena.
Esta intérprete deixa o seguinte testemunho para a canção portuguesa ao ESC2017:
“Amar pelos Dois” é uma belíssima canção. Um “universo” melódico encantador que nos remete para uma tela cinematográfica do início do século XX. Esse encantamento trouxe-me de imediato à memória o tema ” Fascination” belíssima criação de 1904/1905 utilizada variadíssimas vezes em soudtracks cinematográficas durante a primeira metade do século XX; gravada e editada por vários artistas Fascination ficou para sempre imortalizada nas vozes de Nat King Cole (na sua versão original EN) e Elis Regina na versão não menos bela em PT do Brasil (tema este que tive a incrível oportunidade de interpretar numa emissão do programa “Dança Comigo”) Fascination é de facto um belíssimo tema que nos embala e projeta para um estado de alma” de pacificação interior; que quase nos faz “levitar” e por momentos “apaixonar” e “deixar levar” pelo ébrio poder da bela melodia….. foi precisamente assim que me senti ao ouvir  “Amar pelos dois” !
Tudo o que acabei de citar aliado à simplicidade desconcertante da interpretação do Salvador Sobral e à sensibilidade genial da composição da Luísa Sobral resultaram neste extraordinário trabalho.
Não gostaria de rotular uma belíssima composição como esta de “festivaleira” ou “não festivaleira”. Afinal de contas, o que é isso, na verdade, e onde nos tem levado?
A mudança foi desejada, aliás ansiada; e aqui está. Século XXI é sinónimo de evolução… Por vezes (ou quase sempre)”Less is more” .
Desejo sucesso a Portugal e aos irmãos Sobral. Enalteço as características artísticas de ambos e desejo que o país os saiba estimar e apreciar.
São detentores de imenso talento. Parabéns.
Teresa Radamanto

Agradecemos a Inês Santos, a Lara Afonso e a Teresa Radamanto pelos seus depoimentos.

Fonte: Festivais da Canção | Depoimentos recolhidos por Carlos Portelo e Miguel Meira

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s