Esta Festa das Canções – O nosso painel comenta a canção da República Checa

A República Checa tem um historial muito curto nas suas presenças no Festival Eurovisão da Canção, na medida em que apenas participou nos seguintes anos: 2007, 2008, 2009, 2014, 2015 e 2016.
As canções deste país só atingiram a final o ano passado, onde o tema I Stand se classificou em 25º lugar.
Para o ESC2017 a República Checa escolheu internamente a cantora Martina Bárta e a canção My Turn. É a canção nº 14 da primeira semifinal que terá lugar a 9 de maio.
Aceda aqui à nossa ficha para a canção checa.

Comentários dos nossos convidados especiais à canção da República Checa:

Pedro SáEla aparentemente canta bem e a balada é bem melhor que a georgiana, mas duvido que vá beneficiar de um qualquer factor Portugal 2010/Lituânia 2011 quando temos Portugal e a Finlândia na mesma semifinal. 11/20.

Sérgio Lourosa AlvesAqui está uma música que é típica balada “slow”, mas não traz grande novidade, e o seu aspeto mais positivo é a letra, um poema que passa a mensagem. Todavia, é uma música que parece faltar alguma coisa, está sempre com o mesmo tipo de arranjo musical, não tem modelações, até ao final. Os coros no final aparecem pontualmente, mas não fazer grande efeito. O timbre da intérprete mais grave, consegue ser diferente, é um aspeto positivo. 08/20

Sofia Vieira LopesUma balada romântica com uma linha melódica bonita e cantada por uma voz também bonita. Martina Bárta não apresenta grandes artifícios vocais o que, na minha opinião, é um factor positivo porque podemos apreciar a sua capacidade interpretativa sem a ouvir gritar. Uma canção “bonitinha”, com um arranjo simples que dá primazia à voz mas, infelizmente, sem elementos de destaque. 17/20

Carluz BeloA competição aperta e fica difícil de se fazerem boas canções. Apesar da concorrência, este tema consegue ter alguma classe. A canção poderia fazer parte do repertório de um músico pop dos anos 90 ou inícios de 00. Parece-me um pouco datada, mas não é das piores. Nota positiva para o esforço do vídeo. 13/20

João FerreiraEstamos, na minha opinião, perante uma das melhores composições de 2017. Poderão muitos não a classificar como eurovisiva, mas é exatamente isso que aprecio em “My turn”. É uma música pensada, escrita e composta para ser apenas isso: uma música.
Muito simples? É. Mas nem tudo tem de ser complexo. Outra balada? Mas uma boa balada. Uma voz entregue a uma boa melodia que resulta no seu conjunto.
Um tema presente no meu Top 10 que me agrada cada vez que a oiço. 
Estará presente na Final? Gostaria, mas é pouco provável. Mas as coisas que valem a pena têm sempre o seu lugar. E Martina Bárta já conquistou o seu, estando presente na Eurovisão 2017. 14/20

Jorge MangorrinhaSerá desta vez ou por pouco? 19/20

Nina PintoUma das melhores vozes desde ano, uma balada bonita, bem conseguida mas temo que se possa perder no meio das muitas baladas desta semifinal. 14/20

Nuno Marques da SilvaOs checos cumprem mas acho que poucos se vão lembrar desta canção depois que o ESC terminar. Ainda assim das baladas mais elegantes desta semifinal. Dá vontade de ouvir. Na minha opinião algo subvalorizada nas bolsas de apostas mas isso vale o que vale. 14/20

Comentários dos elementos do site Festivais da Canção à canção da República Checa:

João VeladaEsta balada algo intimista pode até não ser a melhor canção de sempre, mas considero-a bastante apaixonante. Talvez seja a canção menos boa deste regresso em grande dos checos à Eurovisão, mas ainda assim tem imenso valor e está entre as minhas preferidas de 2017. A boa voz da cantora é também digna de destaque. Não creio que consiga chegar à final, mas é uma boa canção. 18/20

Luís PereiraUau. Excelente aposta. Excelente vídeo. Adorei! 19/20

Maria Fernanda Fonseca“My Turn” é um tema que principalmente a letra e a interpretação da sua cantora não vão passar despercebidos nesta noite. Se isto pode atingir a final, talvez sim, por ser o país que é. 12/20

Miguel MeiraMais uma vez este país aposta forte para ser finalista novamente. Uma excelente balada, com uma letra lindíssima e uma melodia que não cansa de se ouvir, como algumas baladas desta semifinal. Tudo isto é servido por uma voz bastante interessante de Martina Bárta! É sem dúvida das melhores canções desta semifinal. 18/20

Vasco da Câmara PereiraNão será a canção mais original e aquela que arriscará mais, mas simpatizo com a canção checa. Trata-se de uma balada clássica, com um poema bonito e uma boa interpretação. Não é uma participação memorável, mas também não a classifico como má. 14/20

André Miguel GodinhoUma balada simples, mas também muito emotiva, com uma letra bonita e uma música agradável. Pode estar em desvantagem por ser pouco arrebatadora.  14/20

Carlos Portelo Uma balada bonita, uma boa interpretação, tenho curiosidade em ver a canção fora do videoclip. Possivelmente esta entrada checa estará naquela fronteira entre o passar e o não à final, ou seja, entre o 9º e o 11º lugar. Não me chocaria se fosse finalista. 14/20

Gonçalo CoelhoA canção checa até começa bem e deixa-nos na expetativa de que será uma poderosa balada, mas o certo é que, a meio caminho, já está tudo ouvido e a música morre a partir daí. Não tem qualquer impacto, não passa grandes emoções, é até um sacrifício ouvi-la até ao fim sem ter vontade de carregar no botão para passar à música seguinte. A canção do ano passado era mais explosiva e nem por isso conseguiu uma grande classificação. O destino desta, então, parece ser a eliminação na semifinal. Não vai deixar grande marca na Eurovisão deste ano. 10/20

Guilherme Ruivo Uma canção bastante morta, tal como a do ano passado e deverá ficar pela semifinal. É a República Checa… esforçaram-se, tenho noção disso, mas este ano não funcionou “tão bem” como nos últimos dois e prevejo um lugar bastante baixo, devendo lutar com a Eslovénia para não ficar em último. 08/20

Pontuação Média dos Jurados Convidados: 13,75 | Pontuação Média dos Jurados do Site Festivais da Canção: 14,11
Pontuação Total: 237 pontos | Pontuação Média de todos os jurados: 13,94
Intervalo de Pontuação entre: 08 e 19 respetivamente de Sérgio Lourosa Alves/Guilherme Ruivo e de Jorge Mangorrinha/Luís Pereira

Posição País Pontos Média
Portugal 327 19,23
Finlândia 296 17,41
Bélgica 251 14,76
Austrália 246 14,47
República Checa 237 13,94
Geórgia 234 13,76
Suécia 229 13,47
Azerbaijão 224 13,18
Polónia 214 12,59
10º Albânia 211 12,41
11º Islândia 205 12,06
12º Grécia 185 10,88
13º Montenegro 153 09,00
14º Moldávia 133 07,82

Fonte: Festivais da Canção

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s