Alex Gaspar, Nuno Figueiredo, Pedro Saraiva e Senhor Vulcão comentam “Amar pelos Dois”

Continuamos a publicar as mensagens que temos recebido sobre a canção portuguesa para o Festival Eurovisão da Canção deste ano, o tema de Luísa Sobral, interpretado por Salvador Sobral que se intitula Amar pelos Dois. Estamos a verificar uma enorme onda de apoio em torno do nosso tema e os comentários que temos recebido são prova disso. O tema composto por Luísa Sobral para o seu irmão está a emocionar e cativar a opinião pública.

Hoje publicamos mais quatro testemunhos, desta vez de Alex Gaspar, Nuno Figueiredo, Pedro Saraiva e Senhor Vulcão.

Alex Gaspar nasceu a 20 de Junho de 1979 e é letrista e compositor. Tem trabalhado em parceria com Celina da Piedade nos seus inúmeros projetos, sendo autor, compositor e produtor e muitos temas desta intérprete. Foi co-letrista e co-compositor do tema Primavera, que Celina da Piedade interpretou na grande final do Festival da Canção 2017.
Fique com as palavras de Alex Gaspar sobre a nossa canção:
Sobre “Amar Pelos Dois” é efectivamente uma composição lindíssima de Luísa Sobral que de resto já tinha provas dadas ao longo de vários anos e dos seus quarto álbuns editados. É minha convicção que a interpretação de Salvador Sobral foi absolutamente essencial para o sucesso desta canção no Festival, Salvador tem um à-vontade incrível em palco, que deslumbra qualquer público, aliado à afinação extraordinária e a sua formação formal e informal na área do jazz, indie-pop e world torna-o um virtuoso que dá gosto desfrutar. Como nota final gostava de chamar a atenção para verem ou reverem a sua apresentação na espanhola RTVE onde faz uma versão de arrepiar da canção. Creio que esta canção tem todos os “ingredientes” para ficar no topo dos resultados da ESC.
Alex Gaspar

Nuno Figueiredo nasceu a 15 de março de 1974 no Porto, mas atualmente reside em Beja. Com Jorge Benvinda forma o grupo Virgem Suta em Beja, um grupo apoiado pela produção de Hélder Gonçalves dos Clã. Compuseram muitos temas até se tornarem conhecidos e hoje são uma das bandas de referência das novas sonoridades da música portuguesa. Começaram o seu caminho em 2008 e contam já com dois discos: Virgem Suta (2009) e Doce Lar (2012). O tema Ela Queria é um dos seus temas mais conhecidos, tendo sido já banda sonora da novela Santa Bárbara. Foi autor e compositor do tema Gente Bestial, que Jorge Benvinda defendeu no palco do Coliseu dos Recreios, no Festival da Canção 2017.
Também ele não ficou indiferente à canção de Luísa Sobral e deixou-nos a seguinte mensagem:
“Amar pelos Dois” é uma canção linda que prendeu a minha atenção à primeira audição. Só pelo arrojo, a Luísa e o Salvador estão de parabéns. Desejo-lhes o maior sucesso na Eurovisão e nas carreiras pessoais.
Nuno Figueiredo

Pedro Saraiva nasceu a 26 de junho no Porto. Foi o vocalista do grupo DR SAX nos anos 90 que trouxe até às pistas de dança da altura muitos temas bem conhecidos como Eu Não Me Esqueci ou Voulez-Vous Coucher Avec Moi. Desde há alguns anos que artisticamente se assume como SirAIVA, sendo artista, compositor e DJ, com uma nova sonoridade, misturando o funk pop com o disco house. Já lançou vários trabalhos discográficos dos quais se destaca o tema Brinca na Barriga, bastante conhecido. Participou na semifinal online do Festival da Canção 2011, com o tema Amor A Sério, que compôs para a voz de Daniela Galbin. Este ano voltou ao certame como co-letrista e compositor do tema Without You, defendido por Lisa Garden, na 1ª semifinal.
Fique com as palavras de Pedro Saraiva acerca da nossa canção:
Começo por dizer que vamos muito bem representados, e desejo que corra o melhor possível! Eu sou uma daquelas pessoas que reage à música muscularmente,ou seja a batida é a minha arma preferida! Mas a música da Luísa, cantada pelo Salvador, é um daqueles fenómenos em que tudo correu bem. Os versos com aquela voz ficam lindos, e os arranjos do Luís Figueiredo, são, como dizer… do além, para aproveitar esta época cristã! Acredito sempre que as músicas para se tornarem hits têm de surpreender, por isso nunca achei nada estranho “Amar pelos dois” ter ganho!
Pedro Saraiva

Senhor Vulcão é o alter ego de Bruno Pereira, fundador e baterista dos extintos Atomic Bees, o seu primeiro grupo. É irmão de Rita Redshoes e escreve e compõe muitas vezes em conjunto com esta, partilhando as suas vivências. Quando decidiu comprar um guitarra começou a embalar-se com o som das cordas e durante cinco anos compôs vários temas, tendo iniciado esse processo de composição em 2008. Em 2013 lançou o seu primeiro trabalho discográfico intitulado Montanha e posteriormente em 2015, As Canções do Bandido e em 2016, As Flores do Bem. Foi o letrista do tema O Que Eu Vi Nos Meus Sonhos, composto por Rita Redshoes, para a voz de Deolinda Kinzimba, na grande final do Festival da Canção 2017.
Fique com as declarações deste cantor, autor e compositor sobre o nosso tema:
“Amar pelos dois” fixou-me à primeira audição logo nos primeiros ensaios do Festival da Canção. A voz do Salvador imersa em sensibilidade e musicalidade, a melodia, os arranjos, a letra. Apaixonou-me a contra-regra, a pureza e a simplicidade. Música é isto tudo. Tudo isto.
Senhor Vulcão

Agradecemos a Alex Gaspar, Nuno FigueiredoPedro Saraiva e Senhor Vulcão a sua colaboração. Aceda aqui aos comentários já publicados anteriormente.

Fonte: Festivais da Canção | Depoimentos recolhidos por Miguel Meira

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s