O jornal “El Español” diz que Portugal jogou sujo

O jornal do país vizinho El Español na linha de pensamento do The Guardian também afirma que Portugal fez batota e citamos Desde o início que o plano de Portugal era jogar sujo. Saltar as regras. A canção apresentada por Salvador Sobral, segundo este jornal não valeu na medida em que é uma a canção bem escrita, de harmonias sedosas, uma melodia delicada e versos inspirados. Na verdade, segundo este órgão de comunicação a canção portuguesa não é um vulgar e antiquado karaoke.

O El Español prossegue escrevendo que Portugal não participou como manda a tradição mas sim com uma canção de verdade e isso não vale.

Esta publicação vai ainda mais longe dizendo Se participas na Eurovisão, participas com todas as consequências. Levar o festival a sério e ganhar é uma infâmia, terminando com a afirmação que ao resto dos países só restava perder.

Sobre a canção representante de Espanha, o El Español critica-a fortemente escrevendo que a música era paupérrima e a atitude inexistente.

Este é mais um artigo elogioso à canção portuguesa escrita por Luísa Sobral e interpretada por Salvador Sobral, detentora de uma qualidade reconhecida por todos e premiada pelo Festival da Canção em Lisboa e pelo Festival da Eurovisão em Kiev, onde ganhou em duas frentes, ou seja, na votação do júri e no televoto.

Recorde aqui a prestação de Salvador Sobral, na grande final do ESC2017, onde se consagrou vencedor.

Fonte: Diário de Notícias, El Español

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s