Luísa e Salvador Sobral há pouco na Grande Entrevista na RTP

A entrevista começou com uma referência aos atentados de Manchester, tema colocado pelo jornalista Vítor Gonçalves, gerando uma conversa a três sobre estes trágicos e lamentáveis acontecimentos. Salvador Sobral defendeu, embora reticente, que não se desse tempo de antena / mediatização a estes trágicos atentados, talvez os mesmos diminuissem.

A conversa seguiu para o chamado segredo do sucesso da canção Amar pelo Dois a que Luísa Sobral respondeu, uma vez mais, que residiu na simplicidade do tema e não se preocupar com nada, a não ser em construir uma canção bonita para a voz do irmão.
A compositora destacou a completa liberdade dada pela RTP na criação que lhe colocou apenas uma condição, a da canção não ultrapassa os três minutos.

Luísa Sobral admitiu que saiu em lágrimas do Coliseu dos Recreios porque não imaginava ganhar o Festival da Canção  e quando isso aconteceu sentiu que possivelmente o seu irmão não poderia ir à Eurovisão por motivos de saúde e foi um misto de emoções.

Luísa referiu que sentiu que o seu irmão receava que ela fizesse um tema que ele não gostasse, o que de facto não aconteceu.

Os manos Sobral recordaram os vários momentos vividos em Kiev e realçaram o bom clima vivido com a equipa da RTP, sublinhando o profissionalismo e a entrega de todos os elementos da nossa delegação e ficaram muito satisfeitos por lhes terem proporcionado esta vitória.

Salvador Sobral e Luísa Sobral reconheceram que se emocionaram quando viram pela primeira vez, em televisão, as imagens da sua vitória com a respetiva votação.

A receção que os portugueses preparam para a Delegação Portuguesa, no Aeroporto de Lisboa, foi alvo de conversa e Salvador Sobral quis deixar claro que ficou muito sensibilizado e agradecido por tão calorosa saudação. Os manos Sobral gostariam de ter agradecido a cada pessoa, ficando de tal modo sensibilizados que quando chegaram ao carro não contiveram as lágrimas.

Nesta entrevista foram mostradas as imagens do nosso Presidente da República na Croácia, numa aula para alunos de português, onde mencionou a vitória da canção portuguesa na Eurovisão e dos protagonistas de apelido Sobral.
A propósito da troca de mensagens entre o Primeiro-Ministro e do Presidente da República, aquando da votação da final do Festival da Eurovisão e pela atribuição de várias pontuações máximas na canção portuguesa, Luísa Sobral revelou, nesta entrevista, que recebeu na noite da vitória uma mensagem do Primeiro-Ministro António Costa a saudar Salvador Sobral e que só hoje se lembrou, neste preciso momento. Salvador Sobral ficou a saber nesta entrevista da mensagem o Primeiro-Ministro.

Salvador Sobral referiu que num dos ensaios preparava-se para cantar Amar pelos Dois em inglês, o que não foi possível porque incorria em perigo de desclassificação, tendo sido alertado pela Chefe de Delegação, Carla Bugalho.

O vencedor do Festival da Eurovisão referiu que este evento mudou muito a sua vida profissional ocasionando grandes e muitos concertos e a preparação do seu segundo álbum.

Ficou definido que ambos irão continuar a ter as suas carreiras em separado, embora por momentos, como neste do Festival da Canção e da Eurovisão se possam repetir pontualmente.

Fonte: RTP

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s