Alfama vence novamente as Marchas de Lisboa

A Marcha de Alfama vence pelo segundo ano consecutivo o concurso das Marchas de Lisboa. Esta marcha abriu ontem o desfile das 20 marchas que disputavam o título de marcha vencedora da edição de 2017, para além de ter alcançado o primeiro lugar venceu nas categorias Melhor Figurino e Melhor Musicalidade. Na segunda posição ficou o Bairro Alto, seguido apenas a um ponto de distância pela Madragoa.

Este ano as marchas fizeram alusão ao Oceano Atlântico como mar de encontros no âmbito de Passado e Presente – Lisboa, Capital Ibero-Americana da Cultura.

O tema da marcha vencedora era Não Toquem na Minha Alfama uma composição que este bairro levou às marchas em 1950, da autoria de Amadeu do Vale (letra) e de Raul Ferrão (música) que foi popularizado por Júlia Barroso, entre outros intérpretes. Ditam as regras que os bairros a concurso apresentem um tema antigo, dois originais e a Grande Marcha de Lisboa do ano da competição que este ano foi Lisboa, Mar de Encontros da autoria de Flávio Gil e Carlos Dionísio. Os padrinhos da Marcha de Alfama, a grande vencedora deste ano, foram, uma vez mais, Cinha Jardim e João Baião (FC2007, FC2008).

A classificação geral ficou assim ordenada:

01º Alfama – 247 pontos
02º Bairro Alto – 237 pontos
03º Madragoa – 236 pontos
04º Alcântara – 232 pontos
05º Bica – 229 pontos
06º Carnide – 223 pontos
07º Graça – 219 pontos
08º Castelo – 209 pontos
09º São Vicente – 208 pontos
10º Penha de França – 205 pontos
10º Mouraria – 205 pontos
12º Ajuda – 202 pontos
13º Olivais – 200 pontos
14º Bela Flor e Campolide – 195 pontos
15º Marvila – 191 pontos
16º Campo de Ourique – 181 pontos
17º Belém – 180 pontos
17º Alto do Pina – 180 pontos
19º Benfica – 170 pontos
20º Santa Engrácia – 163 pontos

Em relação às diversas categorias a concurso, eis os Prémios atribuídos:

Melhor Coreografia – Marcha da Madragoa
Melhor Cenografia – Marcha de Carnide
Melhor Figurino – Marcha de Alfama
Melhor Letra – Marcha da Bica
Melhor Musicalidade – Marcha de Alfama
Melhor Composição Original – Piratas On The Rock pela Marcha da Bela Flor, Campolide
Melhor Desfile na Avenida – Marcha do Bairro Alto

O júri foi composto por Pedro Santos Franco (presidente do júri), André Teodósio (apreciação da coreografia), Ana Pérez-Quiroga (apreciação da cenografia), José António Tenente (apreciação do figurino), Jorge Fernando (apreciação da letra), Carlos Mendes (apreciação da música), Marta Sobreira e Paulina Santos (apreciação global) e Sofia Bicho (representante da EGEAC).

Carlos Mendes participou por duas vezes no Festival da Canção, em 1968 com Verão e em 1972, com A Festa da Vida, tendo sido o vencedor nas duas ocasiões, indo assim à Eurovisão. Jorge Fernando participou como cantor, autor e compositor em 1983, 1985, 1990 e este ano apenas com autor e compositor do tema Ao Teu Olhar.

Leia o nosso artigo de ontem aqui, onde fazemos menção a todas as Marchas a concurso e aos respectivos padrinhos e veja no vídeo em baixo a Marcha de Alfama, a grande vencedora.

Fonte: EGEAC, RTP, Festivais da Canção

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s