A Nossa Playlist – Semana 61 com Lilly Tchiumba, Carlos Alberto Moniz & Maria do Amparo, Seis Pó Meia Dúzia, Tó Cruz e Ricardo Morais

Fazemos hoje a retrospetiva desta primeira semana da quarta temporada da rubrica A nossa playlist e vamos continuar a recordar os temas que marcaram os vários Festivais da Canção. Cada um dos nossos colaboradores escolheu um tema por dia que foi divulgado no nosso Facebook de 2ª a 5ª feira. Na 6ª feira é a escolha do público que permanece através de uma poll semanal que divulgamos com temas para votação semanalmente também.

Assim, nesta semana o primeiro tema foi seleccionado por André Miguel Godinho, que nos levou até ao Festival da Canção 1969, realizado no Teatro São Luiz, donde escolheu o tema Flor Bailarina, interpretado por Lilly Tchiumba, com letra de António Leitão, música de Maria Guiomar Garcia, orquestração de Joaquim Luís Gomes e direcção de orquestra do maestro Ferrer Trindade. Classificou-se em 9º lugar com apenas 7 pontos provenientes dos júris de Bragança, Coimbra e Vila Real.

André Miguel Godinho justifica assim a sua escolha:
Uma canção que parece saída do cancioneiro medieval português, na voz de uma cantora que representava um Portugal que também era Angola. É um exemplo da universalidade da música, tanto na composição como na interpretação, e que tornam estas canções mais ricas.

Avançamos dez anos para o Festival da Canção 1979. O tema escolhido por Carlos Portelo foi A Outra Banda com letra de Manuel Valente, música de Carlos Alberto Moniz, orquestração de Pedro Osório e interpretação de Carlos Alberto Moniz & Maria do Amparo. Classificou-se em 7º lugar com 11 pontos, dados pelo painel de jurados da primeira semifinal deste Festival, não tendo sido finalista.

A escolha deste tema foi de Carlos Portelo que comenta esta canção:
Carlos Alberto Moniz e Maria do Amparo, um duo que veio dos Açores e que somou muitos sucessos e participações em programas de televisão e os Festivais da Canção não foram exceção. Em 1979 este duo, pais de Lúcia Moniz, concorreram com dois temas: “Camponês dos Campos de Água” já selecionado por Vasco da Câmara Pereira e com esta canção agora selecionada por mim: “A Outra Banda”. Estas são canções que caracterizaram uma fase deste duo, com temas de intervenção social, mas sempre com uma preocupação poética. Convido-o a escutar “A Outra Banda” quer esteja a norte ou a sul do Tejo. Afinal todos nós nos enquadramos numa certa banda / lado da vida, nos mais variados aspetos.

Na quarta-feira rumámos até ao Campo Pequeno, onde decorreu o Festival da Canção 2010, do qual Guilherme Ruivo decidiu relembrar esta semana o tema Pássaro Saudade, interpretado pelo grupo Seis Pó Meia Dúzia, composto por Sílvia Martins, Carina Gonçalves, Cristina Abreu, Susana Brandão, Carla Alves e Fátima Ornelas. Esta canção tem letra de Irene Lucília Andrade e música de Ricardo Rodrigues. Classificou-se em 8º lugar ex-aequo com 7 pontos, tendo obtido um 7º lugar no televoto e o 8º lugar no júri distrital, tendo as classificações mais elevadas sido 12 pontos de Viseu, 8 pontos dos jurados do Funchal e 7 pontos do júri de Évora e Lisboa.

A escolha deste tema foi de Guilherme Ruivo, que refere o seguinte:
Uma das pérolas de música folk nos últimos anos no festival. Representa muito bem a nossa música tradicional, um poema muito bem escrito e as Seis Pó Meia Dúzia estiveram excelentemente em palco.

Na quinta-feira João Velada decidiu regressar ao Festival da Canção 1995 e ao tema Baunilha e Chocolate, que foi interpretado por Tó Cruz. Esta canção tem letra de Rosa Lobato de Faria e música de António Vitorino de Almeida. Nos coros estavam Ed Sant’ana, Susana Félix, Maria de Deus e Maimuna Jalles. Foi o sétimo tema a desfilar no Teatro Tivoli e classificou-se em 1º lugar com 158 pontos, tendo obtido as pontuações máximas dos jurados de Beja, Bragança, Coimbra, Portalegre, Santarém, Viana do Castelo, Vila Real e Viseu. O televoto, pela primeira vez utilizado, deu-lhe o 2º lugar.

O nosso colaborador João Velada comenta assim esta sua escolha:
Outra das representações portuguesas na Eurovisão mais injustamente desprezadas de sempre. O Festival RTP desse ano não foi muito do meu agrado e, como tal, esta canção acaba por ser a minha preferida. Já se sabe que a música gospel não se dá bem na Eurovisão e, por isso, o seu antepenúltimo lugar em Dublin não foi inesperado, mas eu gosto imenso da sua riquíssima letra (um “Não!” ao racismo) e do instrumental apresentado na Irlanda, mais forte do que o da versão cantada no nosso Festival.

No último dia da semana revelámos então a escolha do público que tinha votado na nossa sondagem durante esta semana. Assim o tema escolhido foi Nunca Mais Te Digo Adeus, interpretado por Ricardo Morais no Festival da Canção 2006. Na nossa sondagem obteve 32% dos votos dos nossos leitores, uma votação renhida face aos outros temas e por isso foi incluída nesta nossa rubrica. A letra e música são de Ricardo Landum. Em palco estiveram cinco elementos a acompanhar o cantor. Esta canção classificou-se em 5º lugar ex-aequo, com 8 pontos, tendo obtido o 8º lugar do júri de sala e o 6º lugar no televoto.

Finalizamos assim a primeira semana desta quarta temporada da rubrica A Nossa Playlist. Esteja atento porque iremos iniciar amanhã a sondagem para a próxima semana e 2ª feira começamos a divulgar mais temas do nosso Festival da Canção.

Fonte: Festivais da Canção

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s