“Amar pelos Dois” colou-se à sua pele… Salvador Sobral

Salvador Sobral desde muito novo que começou a cantar, estudou Psicologia no ISPA em Lisboa, mas a música falou mais alto e tem-se revelado nos últimos tempos como uma promessa da música portuguesa. Estudou Jazz em Barcelona e viveu nos Estados Unidos. O seu primeiro trabalho tem por título Excuse Me e entre temas jazz encontramos várias influências, desde a música cubana à brasileira. Foi editado em Março de 2016 e neste ano continua em tournée com vários concertos pelo nosso país. É irmão de Luísa Sobral, que assinou a composição vencedora do Festival da Eurovisão. Tal como a irmã participou no programa Ídolos, na 3ª série em 2009, onde foi um dos finalistas, classificando-se em 7º lugar.

O álbum Excuse me editado em 2016 atingiu os Tops de vendas nacionais após a vitória do seu intérprete no Festival da Canção de 2017, no Coliseu dos Recreios e chegou a número 1 com a sua vitória no Festival da Eurovisão.

Salvador Sobral com a canção Amar pelos Dois fez o que parecia impossível, ou seja, trazer para Portugal a tão almejada e justa vitória no Festival da Eurovisão.
Desde a vitória desta canção no Coliseu dos Recreios de Lisboa que Amar pelos Dois se tornou num autêntico hino, com uma projeção viral de Lisboa para o mundo.
Luísa Sobral fez esta canção a pensar na voz e interpretação do seu irmão e não podia ter resultado melhor.
É impossível Salvador Sobral não cantar Amar pelos Dois num dos seus múltiplos concertos porque o público não deixa.
Na Eurovisão, durante os ensaios, fazia-se silêncio para ouvir Salvador Sobral e a nossa canção, mesmo sem perceberem português os media e os restantes acreditados no evento oriundos dos mais variados pontos da Europa e não só faziam questão de assistir na Arena ou no Press Center às prestações de Salvador Sobral e reagiam muito bem quando ele improvisava nos ensaios que não contavam para avaliação do júri.
Tanto na prestação da semifinal, como na da final o público emudecia para escutar a canção que viria a vencer o certame com maior pontuação de sempre.

Amar pelos Dois é a canção da qual Salvador Sobral nunca conseguirá dissociar-se porque ela colou-se à sua pele, fazendo já parte do seu ADN.

Fonte: Festivais da Canção

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s