Rodrigo Guedes de Carvalho critica Salvador Sobral

O jornalista da SIC, Rodrigo Guedes de Carvalho, dedicou a sua crónica na revista TVMais a Salvador Sobral nomeadamente da atuação polémica do vencedor do Festival da Eurovisão no concerto Juntos por Todos.
Rodrigo Guedes de Carvalho é mais uma voz que nos dá a sua leitura, com sentido crítico, não só á frase infeliz de Salvador Sobral no Meo Arena, como também a toda a sua postura mesmo no Festival da Eurovisão, dizendo que o cantor cospe na sopa que está a comer. O jornalista não compreende a postura de Salvador Sobral perante os eventos (Festival da Canção e da Eurovisão) que o projetaram para a mediatização e que lhe têm aberto tantas portas.

Deixamos aqui as palavras do jornalista Rodrigo Guedes de Carvalho:
Penso que já posso, como português, ter opinião sobre o comportamento do jovem talento, porque me parece que o traque do concerto solidário vem numa sequência “lógica”: não foi gás do momento. Parece-me que Salvador vive um dilema desde a primeira hora. Tentar agradar a todos é uma tarefa complicada. Sinto-o desconfortável e o traque só mo confirmou. Salvador cultiva a figura da alma livre, o músico pela música, que se junta a compinchas e mesmo que perante uma mera dúzia no público tocam como se fosse o último dia, porque é tudo amor à arte, mais o blá-blá do costume, o dos artistas muito puros que não se vergam ao vil comércio. Ainda assim, concorreu à Eurovisão. Como, de resto, tinha concorrido a tudo o que era concurso de talentos, que existem, que eu saiba, para quem procura o seu espacinho no apertado espectro da fama.
Quando não está a cantar estrofes, Salvador tem um problema com o que diz. Tudo espremido, deu sempre a ideia (já devia estar a pensar no traque) de que se está a cag**. Esquece-se disto: se abraçou o circo e as mordomias, fica-lhe mal cuspir na sopa. Passou logo a queixar-se, muito irreverente, muito estrela rock, das multidões que o aclamam.

A frase que fez emergir a polémica proferida por Salvador Sobral foi a seguinte, conforme pode ver no vídeo em baixo:
Tenho a sensação de que qualquer coisa que eu faça vocês vão aplaudir. Se eu der um peido, quero ver o que vocês fazem…

Neste país ainda de brandos costumes os génios e os diferentes são mal interpretados também em 1969 o Quem faz um filho. fá-lo por gosto e em 1973 Vamos pegar o mundo pelos cornos da desgraça foram expressões que causaram polémica, o que nos leva a inferir que os génios são mal compreendidos.

Fonte: Caras

Um pensamento sobre “Rodrigo Guedes de Carvalho critica Salvador Sobral

  1. Pingback: Salvador Sobral entrevista a Rui Unas – “Ele é Portugal” |

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s