Os vídeos do concerto de Paulo de Carvalho na Praça do Município – parte 2

Vamos hoje publicar mais cinco vídeos que captámos no concerto comemorativo dos 70 anos de vida de Paulo de Carvalho. Têm sido 55 anos a compor e a cantar, criando êxitos que perduraram no passar dos anos. A provar esta afirmação está o seu mais recente álbum com 17 sucessos que Paulo de Carvalho dividiu com 17 convidados.
Na final do programa da SIC, Just Duet, Paulo de Carvalho falou da possibilidade que começa a ganhar forma da edição do CD Duetos 2. Matéria-prima não falta para uma segunda edição de novos duetos com os sucessos de Paulo de Carvalho. O Duetos está desde o seu lançamento no 2º lugar no Top de vendas nacionais.

Lisboa, menina moça com poema de Ary dos Santos e música de Paulo de Carvalho nasceu para a voz de Carlos do Carmo em 1976. Este original foi enviado para apreciação do júri de seleção do Festival da Canção de 1976 que então se intitulou Uma Canção para a Europa. Porém, o referido júri não considerou este tema como um dos oito melhores a integrar o lote de temas concorrentes, com vista ao Festival da Eurovisão. Há decisões assim e Lisboa, menina e moça não esteve no Festival da Canção mas conheceu um enorme êxito.
No CD e no espetáculo de sábado passado esta composição foi interpretada por Paulo de Carvalho e por Carlos do Carmo.

Surge em palco um dos dois momentos familiares e muito tocantes da noite onde Paulo de Carvalho com a canção Um beijo à lua dividiu o palco como já tinha divido no CD esta canção com a sua filha Mafalda Sacchetti. Foi tocante como o pai apresentou a filha e as palavras que a filha disse de e para o pai. Um beijo à lua tem letra e música de Paulo de Carvalho.

Em palco surgia mais um êxito mais uma dupla, o êxito intitula-se Olá, então como vais? e a dupla era composta por Paulo de Carvalho e Tozé Brito. Este tema deu nome ao LP que continha êxitos interpretados por estes dois grande nomes da música, ora em dueto, ora a solo. No palco da Praça do Município e no CD esta canção foi apresentada por estes dois vultos da nossa música e a assistência cantou com eles. A letra deste tema é de António Tavares Telles e a música de Tozé Brito.

O segundo momento familiar e muito emocionante surgia quando Bernardo Costa, ou seja, Agir esteve em palco com o seu pai para interpretarem como no CD o tema Meu mundo inteiro, com letra de Agir e de Paulo de Carvalho e música de Agir. As declarações de pai para filho e vice-versa emocionou a assistência.

A canção que encerrou o desfile destes sucessos foi o histórico e eurovisivo E depois do adeus, com letra de José Niza, música de José Calvário e interpretação de Paulo de Carvalho. Esta canção nasceu no Festival da Canção de 1974, onde se consagrou vencedora e no Festival da Eurovisão onde representou Portugal.
Como é do conhecimento geral esta canção foi a escolhida para a primeira senha para o arranque das tropas que viriam a libertar Portugal e os portugueses de um regime totalitário.
No CD recém editado, Duetos, esta canção é interpretada por Paulo de Carvalho e Marisa Liz, no palco da Praça do Município E depois do adeus não esteve só a cargo de Paulo de Carvalho porque os espetadores que encheram este largo cantaram com o anfitrião o tema que começa assim Quis saber quem sou, o que faço aqui…
O resto ouça aqui no vídeo.

Fonte: Festivais da Canção

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s