“Telemóveis” por Conan Osíris – os nossos comentários

À semelhança do que temos feitos nos últimos anos os elementos do nosso site irão comentar e pontuar, de 0 a 20, os 16 temas participantes no Festival da Canção 2019. Nos seus mais variados estilos as canções deste certame primaram pela diversidade e pela qualidade, e é de enaltecer o trabalho feito pela RTP em prol da música nacional dado que é o único programa / concurso onde são apresentadas músicas originais. Depois de termos comentados os temas que ficaram pelas semifinais, comentamos agora os oito temas finalistas.

Canção nº 7 – Telemóveis – Conan Osíris
Letra e Música: Conan Osíris
Classificação na Final – 1º lugar com 24 pontos
Classificação do nosso painel – 140 pontos

André Miguel Godinho – Conan e o seu “universo” de canções, que primeiro se estranham, depois entranham-se! Estou rendido à nossa canção Telemóveis! Original, marca a diferença e no fundo é tão nossa e ao mesmo tempo do mundo! Está ali tanta coisa a nível musical e é por aí que primeiro nos apanha, e apanhou um pouco por todo o lado. A letra, que aparentemente possa parecer banal, afinal quem se lembraria de contar uma história sobre o uso de um telemóvel? Mas aí está um pretexto para falar e contar tanta coisa, usando a referência a algo tão presente nas nossas vidas, como um telemóvel. E a grande diferença está também na sua estrutura! Esta canção conta uma história, não é convencional, não tem um refrão propriamente, tem um princípio, meio e fim. E a atuação tem tudo a ver com a canção, também ela original, diferente, tornando-a única! Ou seja, temos uma possível canção vencedora da Eurovisão! 20/20

Carlos Portelo – Desde que ouvi Conan Osíris no anúncio da NOS, a mostrar a sua versão diferente do tema A Minha Casinha a Ana Moura que fiquei curioso pelas suas criações, encontrando nele uma voz e um modo interpretativo com carisma. O tema Telemóveis foi muito bem concebido com uma mescla de várias sonoridades, onde não falta o fado e a influência musical árabe.  A forma de levar esta canção ao grande público faz parte do seu ser diferente e de ser ele próprio, não se desviando do seu percurso criativo por estar a concorrer no Festival da Canção. A Europa está a gostar precisamente por essa diferença, onde tudo se encaixa e faz da nossa entrada na Eurovisão algo único: a música, o seu timbre vocal e o desempenho em palco. Uma palavra para o bailarino João Reis Moreira que é o complemento certo para a atuação de Conan Osíris. A pensar na Eurovisão dou a nota máxima a esta canção. 20/20

Filipe Coelho – Ora o Conan revelou ser um letrista inteligente, um cantor com boa capacidade vocal, um excelente produtor mas acima de tudo, um génio. A mistura é a base da composição desta canção. Mistura de Fado, com samples de arab music, os hi hats de trap, funk com a ajuda de snares e alguns rims. Não me vou alongar, a qualidade fala por si. 20/20

Gonçalo Coelho – Desde a primeira audição que Telemóveis se destacou por ser tudo: arrojada e inovadora, universal mas muito portuguesa, moderna mas muito étnica ao mesmo tempo. A juntar a isso, uma letra com um significado profundo e belíssimo (que, aparente e lamentavelmente, não está ao alcance de todos ainda, a julgar pelos comentários desapropriados feitos nas redes sociais) e um intérprete com imenso carisma e com um elevadíssimo sentido artístico. Arte é, talvez, a palavra mais adequada para caracterizar esta proposta – não é só uma canção; é a expressão da liberdade artística, da contemporaneidade, da mundialidade, da diferença, da espontaneidade. Estou profundamente orgulhoso por ter em Conan Osíris o nosso representante na Eurovisão. 20/20

Luís Pereira – Só me ocorre uma palavra para descrever esta canção: brutal. Adorei desde o primeiro instante em que o ouvi… e desde esse momento que desejei ser o grande vencedor do Festival da Canção e consequentemente que nos representasse no ESC2019. Tudo ali está perfeito. Adoro o bailarino e a sua forma de dançar. Sempre pensei que esta seria a nossa única opção para vencermos mais um ESC. Parabéns! 20/20

Maria Fernanda Fonseca – A canção que nos vai representar este ano na Eurovisão. Eu gostava de poder entender a tamanha euforia que vai na cabeça dos muitos fãs deste certame. Decerto pensam que é pela diferença. Claro que sim, faz a diferença e em tudo. Mas será que é isto que vai chegar para passar à final ou até ganhar a Eurovisão? Apesar de já se conhecerem as canções dos outros países, não façamos as comparações com Amar pelos Dois que nos deu a vitória em 2017, porque estamos no 8 e em 2017 estávamos no 80. Para ser sincera eu não consigo gostar. Conan Osíris já explicou a mensagem da sua letra, porém, quem não souber a sua explicação, em 3 minutos entende tudo menos aquilo que ele explicou. Quanto à musicalidade cheia de influências que não são nossas, é ainda aquilo que me agrada neste tema. Quero muito que o nosso país vença novamente a Eurovisão, diz-se que desta vez vamos à segunda vitória, vou acreditar que todos têm razão, mas eu fico-me com a minha opinião porque não consigo pensar de outra forma. 13/20 

Miguel Meira – Antes de manifestar a minha opinião sobre este tema, quero salientar que a partir do momento que ganhou o Festival da Canção 2019 que esta é a canção portuguesa e que apoio e espero que traga da Eurovisão o melhor resultado possível. Como já se disse várias vezes esta canção ou se gosta ou se detesta. Conan Osíris, personagem criada por Tiago Miranda, interpreta Telemóveis, o tema que lhe deu a vitória e que quanto a mim era uma das canções mais fracas deste Festival da Canção. Quero destacar pela positiva o guarda-roupa sublime que Luís Carvalho concebeu, bem como a excelência de João Reis Moreira enquanto bailarino, que manifestamente dá vida ao tema. No entanto, para mim o resto é muito fraco. A letra muito banal, a falar dos Telemóveis e da presença deles no mundo de hoje, a música uma mistura de vários géneros musicais que até me agradaria se visse outro contexto em todo o tema. A interpretação de Conan Osíris foi melhor na final do que na semifinal, onde desafinou e deixa-nos sempre na dúvida se estas desafinações (até na própria final) são propositadas com a sua forma de cantar excêntrica ou não. Toda a simbologia que pretende esconder face à máscara que usa, toda a “febre” que se tem desenvolvido nas redes sociais, fazem-me lembrar sem dúvida o fenómeno Salvador Sobral, no entanto, este sim tinha uma canção de qualidade, ao contrário de Telemóveis! Excentricidade, diferença e boneco são três dos nomes que este tema poderia ter e que quanto a mim não me agradou nada. 07/20

Vasco da Câmara Pereira – A canção da polémica, da discórdia, das paixões e dos ódios. A canção que não deixa ninguém indiferente: ou se adora ou se detesta. Eu sou daqueles que adora e que não precisa do sucesso na Eurovisão para dizer que gosto e que sempre gostei. Acho uma pérola no meio de um marasmo sem inovação e sem inspiração. Musicalmente inspira-se em tudo e mais alguma coisa: música cigana, música árabe, música electrónica… tudo muito bem encaixado e “misturado”. Quanto à letra, que se diz parva, é uma referência muito óbvia a um dos maiores problemas dos adolescentes de hoje: a enorme dependência do telemóvel, do virtual e da redes sociais. Há também que dizer que o Conan não é o novo António Variações. O Conan é o Conan: a sua originalidade é tal, que não existe nenhuma base de comparação passada. A grande canção deste Festival e a mais do que merecida vencedora inquestionável. Sou fã, um grande fã! 20/20

Classificação geral:
MatayPerfeito – 146 pontos
NBCIgual A Ti – 141 pontos
Conan OsírisTelemóveis – 140 pontos
Calema – A Dois – 122 pontos
Filipe KeilHoje – 120 pontos
Dan RivermanLava – 117 pontos
SurmaPugna – 116 pontos
MadrepazMundo A Mudar – 115 pontos
João CamposÉ O Que É – 113 pontos
10º Mariana BragadaMar Doce – 102 pontos
11º João CoutoO Jantar – 96 pontos
12º Mila DoresDebaixo do Luar – 90 pontos
13º Soraia TavaresO Meu Sonho – 74 pontos
14º Ela LimãoMais Brilhante Que Mil Sóis – 66 pontos
15º Lara LaquizO Lugar – 57 pontos

Fonte: Festivais da Canção

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.