Lisboa 2018

É a primeira crónica que escrevo após a vitória retumbante de Portugal na Eurovisão. Esperei até que se efectivasse a escolha óbvia do local: Lisboa 2018. Em Dezembro de 2014, escrevi neste espaço que “a região de Lisboa é dotada de infra-estruturas, equipamentos e serviços necessários para esse grande evento e de uma oferta turística…

O Salvador de Portugal?

A 13 de Maio, com ou sem milagre, com ou sem a bênção de Fátima ou do Papa Francisco, uma composição melodiosa em português representará Portugal em Kiev, na próxima edição do maior espectáculo musical do mundo. A sua autora e compositora (Luísa Sobral) era, porventura, a que menos expectativa nos criava no lote de…

Da Europa à Eurovisão

A Eurovisão é cada vez menos a Europa. Se bem que, geograficamente, não haja limites consensualizados para a segunda, para além de se considerar a mesma como uma península que vinda da Ásia abraça o mar, a Comissão Europeia e o Conselho da Europa têm preferido adoptar uma definição aberta, com base nos elementos geográficos,…

Lisbon Eurovision Summit – porque não?

Lisbon Eurovision Summit – porque não? Esta é a pergunta de partida, para um texto que tem como inspiração a realização presente da Web Summit e cujo enfoque inicial é a análise ao alojamento disponível na região de Lisboa, tanto para a cimeira tecnológica, como para uma ideia de cimeira eurovisiva, coincidente com a realização…

Quando é que Portugal devia ter vencido?

A Internet é um poço sem fundo de informação. Há dias, deparei-me com um vídeo intitulado “When Portugal should have won Eurovision Song Contest”, que aposta em dez temas que nesses respectivos anos (1969, 1971, 1972, 1989, 1991, 1993, 1994, 1996, 2003, 2008) teriam sido os melhores a concurso. Mas, “o que a Europa não…

A Cultura Popular Eurovisiva

A cultura musical popular é a marca da Eurovisão. Há 60 anos que a história se constrói. Não é de admirar, portanto, que os académicos se interessem, crescentemente, pelo tema e que a Universidade de Malta anuncie uma unidade de estudos sobre a cultura eurovisiva.  Esta cultura perpassa por diferentes protagonistas, públicos e áreas, daí…

A Canção é Utopia

A participação anual de países no Festival Eurovisão da Canção (FEC) tem tido não só um objectivo artístico como vai ganhando espaço de oportunidade mais alargado. Esta realidade aumentou com a entrada dos países do Leste Europeu que, claramente, usam este palco para reforçar uma visibilidade identitária e afirmação política, com tendências no discurso ideológico…

O Fado em Viagem

Haverá interesse em que o nosso fado, recriado ou não, se apresente, um dia, no palco da Eurovisão? É, decididamente, uma pergunta que fica à espera das canções do futuro. Há dias, entretanto, foi apresentado um novo Festival, em Idanha-a-Nova, no âmbito da Cidade Criativa da UNESCO, cuja idealização e direcção me cabem. “Fado sem…

O Museu do Turismo e os Festivais da Canção

O conceito, em desenvolvimento, de um Museu do Turismo em Portugal integra uma visão polinucleada assente no aproveitamento de estruturas físicas já existentes no País e, com esse suporte, um conjunto de histórias representativas de períodos, gentes, produtos e destinos. Neste quadro, a música portuguesa, vista como diferencial cultural com significado turístico, deve ter um…

A Síndrome de Estocolmo

É um estado de alma, dizem uns; é um estado psicológico, dizem outros. Há, intrinsecamente, um distúrbio clinicamente diagnosticado. A este, segue-se sempre um momento em que o padecente se confronta de novo, conscientemente, com o causador do problema, e com ele “convive”, com afecto, curiosamente. Em termos eurovisivos, a pergunta impõe-se: haverá, em Portugal,…